Infelizmente, os acidentes de trabalho ainda são frequentes em empresas e indústrias, sendo as quedas, má utilização de ferramentas e a ausência de equipamentos de proteção individual os principais responsáveis por lesões e traumatismos.

Por isso, é essencial estar atento quando ocorre um acidente de trabalho, identificar as causas e adotar ações corretivas para que não aconteça novamente.

É importante ressaltar também as consequências de um acidente de trabalho, que podem ir desde a uma interrupção no trabalho, surgimento de uma incapacidade, problemas jurídicos, até mesmo a morte.

Se você tem uma empresa ou apenas tem interesse em saber quais são as principais causas de acidentes de trabalho, continue a leitura que vamos mostrar em detalhes!

O que é um acidente de trabalho?

Antes de mostrar quais são as principais causas de acidentes de trabalho, o que é um acidente de trabalho?

Um acidente de trabalho é quando ele ocorre por causa do trabalho ou no momento do trabalho.

Além disso, as lesões podem ser físicas ou de ordem psicológica, ambas tendo o acidente de trabalho como origem.

Por exemplo, uma dor muscular que aparece após um esforço físico ou um choque emocional por conta de uma agressão.

Quais as principais causas de acidentes de trabalho?

Antes de mais nada, os acidentes de trabalho ocorrem em razão do não cumprimento das leis trabalhistas, assim como falta de investimentos por parte das empresas na prevenção de acidentes.

Por isso é tão importante contar com uma consultoria em segurança do trabalho, o que poderia reduzir de forma significativa os acidentes de trabalho, adotando medidas preventivas e promovendo um ambiente de trabalho mais seguro.

RELACIONADO  Como criar um site de apostas cassino: Guia passo a passo para iniciantes

Entre as principais causas de acidentes de trabalho, destacamos:

Quedas

Alguns setores apresentam maior risco de queda, como construção civil, mineração, carga ou descarga de caminhões e indústrias petrolíferas.

As quedas podem ser causadas desde um piso escorregadio até uma queda de uma certa altura.

Muitas delas poderiam ser evitadas com o uso de equipamentos de proteção individual, sinalizar locais em manutenção e manter o local de trabalho organizado.

Uso de ferramentas ou máquinas

O uso de ferramentas ou máquinas também podem causar acidentes de trabalho, como equipamentos em movimento, conduzir um veículo…

Muitas vezes, tais acidentes são devidos a um mau estado de conservação de uma máquina ou mesmo o desconhecimento de como manuseá-la.

Atividades com repetição de movimentos

Algumas atividades que exigem repetições de movimentos por longos períodos podem levar a lesões e distúrbios como LER.

Esses esforços repetitivos causam danos não apenas à saúde física do trabalhador, mas também à sua saúde mental.

Exposição a materiais perigosos

Outra causa de acidentes de trabalho é a exposição a materiais perigosos, seja na manipulação, armazenamento ou transporte.

Alguns desses materiais podem provocar sérios problemas de saúde, como contaminações, queimaduras e intoxicações.

Choques

Determinadas funções, especialmente aquelas ligadas à energia elétrica, aumentam o risco de choques.

A pessoa que recebe um choque ou descarga elétrica, dependendo da voltagem, pode sofrer queimaduras ou mesmo ir a óbito.

Longas jornadas de trabalho

Já está comprovado que longas jornadas de trabalho aumentam os riscos de desenvolver doenças cardiovasculares, inclusive, levando à morte.

Além disso, a sobrecarga de trabalho e pressão podem provocar estresse, ansiedade, depressão e síndrome de burnout.

RELACIONADO  Como dormir com gesso no pé: 9 dicas e posições para uma boa noite de sono

Cansaço e sonolência

Diversos acidentes de trabalho podem ter origem no cansaço, e mesmo que o trabalhador esteja com todos os equipamentos de segurança, isso não o impede de cometer alguns erros.

Vale lembrar que pode ser tanto um cansaço físico quanto mental, onde um simples descuido e falta de atenção pode causar um acidente de trabalho.

Não usar EPIs

Em determinados tipos de atividade, é obrigatório o uso de EPI, como trabalhar em construção civil e indústrias metalúrgicas, por exemplo.

Além de garantir a integridade física do trabalhador, saiba que a empresa que não oferecer EPIs adequados aos seus funcionários, podem sofrer sérias sanções.

Conclusão

Como você viu, as causas de acidentes de trabalho são variadas, e é de fundamental importância que as empresas redobrem os cuidados a fim de garantir um ambiente de trabalho seguro a todos os seus colaboradores.

É importante oferecer treinamentos, palestras sobre medidas preventivas, o que contribui efetivamente para a redução de acidentes de trabalho.

Avatar de Nathan López Bezerra

Formado em Publicidade e Propaganda pela UFG, Nathan começou sua carreira como design freelancer e depois entrou em uma agência em Goiânia. Foi designer gráfico e um dos pensadores no uso de drones em filmagens no estado de Goiás. Hoje em dia, se dedica a dar consultorias para empresas que querem fortalecer seu marketing.